Programação especial celebra 50 anos do curso de Administração da UCPel

Uma nova placa fixada próxima à sala dos professores da Universidade Católica de Pelotas (UCPel) marca o aniversário de 50 anos do curso de Administração. Além da cerimônia de homenagem, a celebração especial contou com missa e palestra, responsáveis por reunir docentes, discentes, profissionais e representantes do Conselho Regional de Administração do Rio Grande do Sul (CRA-RS). 
 
Formar líderes para o mercado de trabalho é considerada a principal marca do curso, avalia o coordenador da graduação, professor João Alberto Gonçalves Júnior. Permanecer articulado com empresas para identificar novas necessidades faz com que o curso se mantenha alinhado às expectativas de gestores e empreendedores. “Procuramos trazer para a sala de aula o que o aluno vai ver dentro das empresas. Isso faz com que eles estejam mais preparados para os desafios do mercado de trabalho”, explica.
Para o representante do CRA-RS, Fernando Milagre, os 50 anos do curso de Administração da UCPel dizem muito sobre a história do ensino da Administração no Rio Grande do Sul. “Os fundadores do curso da Católica são responsáveis por trazer para Pelotas e região o ensino da administração, que antes era muito voltado para a região de Porto Alegre”, lembra. De acordo com Milagre, graças ao ineditismo da UCPel, conhecimentos sobre a área foram interiorizados no estado.  
Missa, descerramento de placa e palestra da ex-docente Gisela Gotuzzo compuseram a programação do primeiro dia de comemoração. Nesta terça-feira (20), às 20h, um jantar na Galeteria Lobão encerra o ano de diversas atividades voltadas à data. Ex-docentes, professores e profissionais serão homenageados com a medalha Silvio Motta, um dos primeiros professores do curso.   
A UCPel foi pioneira no interior do Rio Grande do Sul a criar um curso de Administração. Reunião do Conselho Universitário, no dia 11 de novembro de 1968, autorizou seu funcionamento. No dia 1º de março de 1969 a graduação da Católica começou a funcionar em Pelotas e desenvolve suas atividades até hoje.
Redação: Rita Wicth – MTB 14101 

foto da notícia