Acadêmicos e professores da UCPel embarcam para o Canadá

Acadêmicos e professores da Universidade Católica de Pelotas (UCPel) viajam rumo ao Canadá. Até o dia 22 de setembro, uma intensa programação será responsável pela imersão do grupo em um dos ecossistemas de maior desenvolvimento no mundo atualmente, a região de Toronto, Província de Ontário. 
Os docentes Cristiano Klinger e Anselmo La-Rocca, acompanhados dos acadêmicos Pedro Zanetti e Nicolas Monks, representam os cursos de Administração e Tecnólogos em Gestão da UCPel na parceria com a empresa Missão Canadá. Juntamente com empresários, a comitiva terá a oportunidade de interagir com o governo de Ontário e também com a embaixada brasileira. Visitas à incubadoras, aceleradoras, empresas e instituições de ensino completam o cronograma do grupo. 
De acordo com o professor Klinger, a viagem será uma oportunidade de olhar para outras realidades, especialmente para idealizar projetos diferentes. “Discutimos muita teoria em sala de aula, mas sair daqui e ver o que estão empreendendo em outros lugares, identificar o que está dando certo, é uma experiência agregadora aos alunos”, comenta.    
A cada ano, será ofertado aos acadêmicos da UCPel a possibilidade de imersão em outro país, explica La-Rocca. Vale Silício, nos Estados Unidos (EUA), Israel e China são cogitados pelos docentes como próximos destinos. “Quando se visita outro país, aumenta a perspectiva porque temos a oportunidade de observar coisas diferentes, o que aumenta o poder de análise das situações”, diz.     
A próxima viagem planejada pelos docentes deverá ocorrer no segundo semestre de 2019, para o Vale Silício, na Califórnia, EUA. Acadêmicos do curso de Administração e Tecnólogos em Gestão da UCPel são convidados a participar. 
Confira a programação do grupo:
17/09
Visita a aceleradoras e startups, entre elas a UltraHaus e a ICE Aceleradora Criativa. Pela tarde, a programação será na Aceleradora Helix, com interação na startup Athimos. À noite, acontece encontro para network com uma das mais respeitadas aceleradoras de negócios em Toronto, a LatAm, especializada em escalar startups latinas na América do Norte. 
18/09
Os participantes serão recebidos na Embaixada do Brasil em Toronto para conhecer como o Governo Brasileiro pode ajudar quem pretende estreitar laços com o Canadá. Pela tarde, a agenda é na Ryerson University para conhecer a incubadora da Universidade, o centro de ensino e a DMZ, maior aceleradora de startups norte americana, a segunda maior do mundo. 
19/09
A agenda será na empresa brasileira Dinamize, líder absoluta em e-mail marketing no Brasil. Pela tarde, ocorre visita a Waterloo City, onde fica o segundo maior corredor de startups do mundo, com mais de 5 mil empresas conectadas. O grupo conhecerá empresas, universidades, incubadoras, aceleradoras e startups. 
20/09
Vista a Mississauga, com recepção do diretor do centro de informações e tecnologia da cidade, Shawn Slack. Na programação consta visita a universidades locais e o ecossistema empreendedor da região, com startups e aceleradoras.
Está confirmada a visita no Business Acceleration Campus da York Entrepreneurship Development Institute (YEDI). Lá, o grupo conhecerá como trabalham e aceleram as startups e quais são os programas de aceleração para o público internacional, inclusive como participar do programa Startup Visa (programa especial de imigração para empreendedores de startups).
21/09
Reunião com Peter Liber, senior business advisor do ministério de economia e desenvolvimento, criação de emprego e mercado da Província de Ontário.
22/09
Retorno ao Brasil. 
Redação: Rita Wicth – MTB 14101 

foto da notícia